English
You have no items in your shopping cart.

Queda de cabelo

A queda de cabelo, apesar de não ser considerada um problema de saúde grave, compromete a integridade psicológica do indivíduo devido ao impacto visual que assume e, portanto, deve ser valorizada.


Quando ocorre?
Durante todo o ano, já que diariamente caem, em média, 100 cabelos. Este facto está relacionado com o ciclo de vida do cabelo, o qual dura 3 meses e é constituído por 3 fases: anagénese (fase de crescimento), catagénese (fase de regressão) e telogénese (fase de repouso).
No entanto, a queda é mais acentuada na época do outono (entre setembro-outubro).


Porque acontece?
Pensa-se que, durante o verão, o organismo desenvolve um mecanismo de defesa contra os raios solares para manter mais cabelos na fase de crescimento. Com a diminuição gradual do número de horas de exposição solar, um maior número de folículos pilosos entra na fase de estabilização e queda, sobretudo 3 meses após o início do verão (ou seja, no outono).


Por outro lado, existem outros fatores que podem contribuir para a queda de cabelo. Destacam-se:

• dieta desequilibrada;
• exposição a agentes externos (ex.: raios solares, água salgada, cloro das piscinas);
• stress;
• pós-parto;
• febre;
• infeções;
• doenças crónicas graves;
• intervenções cirúrgicas;
• doenças endócrinas (ex.: alterações na tiroide);
• alguns medicamentos.

 

Como se manifesta?

Pode manifestar-se por:

• perda de fios de cabelo durante a lavagem, ao pentear ou na almofada;
• perda de densidade capilar;
• espaçamento entre os cabelos.


Caso a queda de cabelo persista e seja de um modo excessivo, com sinais de queda repentina, zonas peladas ou ardor e prurido, deve consultar um dermatologista.

 

Como prevenir/tratar?

• Mantenha uma alimentação equilibrada, privilegiando produtos frescos, frutas e legumes, como o feijão, grão, lentilhas, vegetais de folha verde, ovo e abacate. Estes são ricos em vitaminas e minerais, proteínas, ferro, zinco, magnésio e vitaminas do complexo B, contribuindo assim para o crescimento e fortalecimento dos cabelos;
• Pratique exercício físico regularmente. Aliado a uma dieta saudável melhora a circulação sanguínea e, consequentemente, o transporte de nutrientes para a raíz do cabelo;
• Hidrate-se. Ingira 1,5 L de água por dia;
• Descanse bem. Durma entre 7-8 horas;
• Tome suplementos alimentares ricos em vitaminas (sobretudo as do complexo B), minerais (cálcio, ferro, fósforo, magnésio, iodo, zinco) e aminoácidos (como a cistina, biotina). De preferência inicie a suplementação 1 mês antes do período de maior queda (entre agosto e setembro) para prevenir.
• Evite lavagens diárias;
• Opte por produtos capilares suaves, champôs fortificantes, ampolas e loções anti-queda;
• Evite secar o cabelo com uma temperatura muito alta e não o puxe demasiado. Posicione o secador a uma distância mínima de 30 cm do cabelo;
• Não abuse em permanentes, alisamentos, colorações ou em produtos para moldar o cabelo.

 

 

Que produto a Farmácia Grave recomenda?

• Produtos de aplicação tópica adequados ao seu tipo de cabelo e couro cabeludo, não abrasivos. Pode encontrar mais informação em: https://www.farmaciagrave.pt/capilares
• Suplementos orais adequados ao seu organismo. Encontra mais informação em: https://www.farmaciagrave.pt/cabelo-e-unhas

 

Dra. Liliana Troeira
Farmacêutica

Leave your comment